Pular para o conteúdo principal

Personal trainer dá sete dicas para driblar o sedentarismo no dia a dia

Segundo a Organização Mundial da Saúde: "O sedentarismo vem crescendo de forma alarmante no mundo inteiro, deixando de ser uma preocupação meramente estética para se transformar num problema grave de saúde pública, numa epidemia global."
. Quais as consequências do sedentarismo?
- Obesidade;
- Perda da massa corporal;
- Encurtamento muscular;
- Má postura;
- Pressão alta;
- Cansaço;
- Baixa resistência orgânica;
- Dores articulares;
- Dores musculares após o esforço;
- Altos níveis de stress;
- Doenças cardíacas

Você sente que, no correria do dia a dia, tem cada vez menos tempo para se exercitar e que seu corpo dá alguns sinais de que está sem tanto fôlego como antes? Grande parte das pessoas se queixa do problema e de se sentir muito sedentária. Segundo o personal trainer e especialista do Consultório Bem-estar, Márcio Soares, esses relatos estão intimamente ligados o estilo de vida contemporâneo.

— As pessoas estão naturalmente mais preguiçosas pois, hoje em dia, não precisamos nem ir até à TV para trocar de canal, pois o controle remoto faz isso para nós, o vidro do carro é elétrico, os portões são eletrônicos, temos escadas rolantes e elevadores. Além disso, as pessoas utilizam carro para ir a locais muito próximos e percorrer distância muito curtas. E, é claro, tem a internet também que encurta distâncias, mas nos deixa presos na frente da tela do computador. Dessa maneira, a vida moderna nos estimula a nos exercitarmos menos — argumenta o especialista.

Para Soares, no entanto, essas facilidades não justificam que as pessoas estejam tão sedentárias.

— É preciso que haja uma reflexão nesse sentido, que as pessoas queiram melhorar e mexer o corpo, pelo próprio bem da saúde delas — enfatiza.

Tem dúvidas sobre exercícios físicos? Sobre como escolher o tipo ideal para você? Mande sua pergunta para o Consultório Bem-estar e Márcio irá respondê-la.

Apenas a mudança de hábitos corriqueiros já pode indicar um primeiro passo rumo a novos hábitos e ao entendimento do que seja uma vida mais saudável. Soares defende ainda que pequenas atitudes no dia a dia podem significar maior bem-estar.

O personal trainer preparou um lista com dicas práticas para você fugir do problema. Ele ressalta, no entanto, que todo exercício físico deve ser feito somente após a consulta a um especialista.

— Muitas pessoas decidem fazer uma determinada atividade física por conta própria. O grande risco que se corre é que, caso ocorra alguma lesão, ela possa ter problemas clínicos sérios, o que pode até ser irreversível — explica.

Confira as dicas:

:: Evite elevadores:

Subir as escadas do seu prédio, do seu trabalho ou de locais que você frequenta regularmente pode agir de forma benéfica em diversas frentes. Auxilia no sistema cardio-respiratório, além fortalecer a musculatura das coxas, pernas e glúteos.

:: Atenda aos apelos para participar da ginástica laboral da sua empresa

A ginástica laboral oferecida por algumas empresas é um bom momento para que você faça, assistido por um profissional, exercícios de alongamento que podem, além de suprir a necessidade do corpo de se movimentar, aumentar a sua rentabilidade no trabalho, já que uma pausa é sempre bem-vinda.

:: Ande menos de carro ou de ônibus:

Se você acordar vinte minutos antes do normal, pode ir para o trabalho, ao mercado, à escola a pé? Então, faça-o. Além de não ter que se preocupar com o trânsito, você estará se exercitando e pode aproveitar a caminhada para espairecer.

:: Caminhe, nem que seja apenas na sua folga:

Caso não seja possível fazer caminhadas durante a semana, mesmo que seja só para ir e voltar do trabalho, use sua folga para caminhar um pouco. Nem que isso ocorra uma única vez por semana. Essa pequena iniciativa pode trazer inúmeros benefícios para você.

:: "Qualquer exercício é melhor do que nenhum":

Se você não tem tempo para se exercitar todos os dias, mas pode fazê-lo em um ou mais momentos durante a semana, faça-o. Qualquer exercício ou atividade física é melhor que nenhuma. Mas cuidado para não querer recuperar todo o tempo perdido em um único treino semanal, use seu bom senso e nunca exija demais do corpo nas atividades.

:: Leve o cachorro para passear:

Além de curtir um momento com o seu animal de estimação, uma simples caminhada fará muito bem para o seu condicionamento físico e também do seu bichinho. Tem muita gente que inclusive corre junto com o seu cachorro, dependendo da raça eles são ótimos em dar o ritmo na corrida.

:: Convide os amigos para praticar um esporte coletivo:

Há várias críticas ao hábito que muitas pessoas têm de encontrar os amigos uma ou duas vezes por semana para praticar algum esporte coletivo, geralmente, o famoso futebol. Se esse exercício vier associado a um momento de confraternização e de liberação do estresse, sem que o corpo seja exigido de mais, ele será bastante benéfico. A única ressalva é que, frequentemente, depois do jogo são feitas refeições muito pesadas e que são acompanhadas de bebidas alcoólicas, o que não é aconselhado.

Além de estar dentro da liberação de estresse, integração, fazer amizades, os esportes coletivos são uma boa pedida, e temos alguns exemplos além do futebol como vôlei, basquete e outras opções, procure o que melhor se adapta com você.

BEM-ESTAR

ro@romassoterapeuta.com

@rosbarbieri

Comentários

  1. Muito boas as dicas, principalmente para quem está tentando recomeçar como eu.

    Parabéns e ótimo dia!

    Bjs

    Mya

    ResponderExcluir
  2. Estas dicas são otimas, uma otima semana para vc.Beijos

    ResponderExcluir
  3. Otimas as dicas Ro!!

    Adorei!!

    E isso é bem vdd: "mexer o corpo, pelo próprio bem da saúde delas" acho q é o q mais importa!!

    Bjs!!

    ResponderExcluir
  4. Menina...sabe que vivo na luta com esses negócios de exercícios...sempre falo q vou fazer e tal...mas na hora desanimo...é mais fácil eu controlar a boca do q ter ânimo pra exercícios...mas vou tentar!!!
    Bjks!!

    ResponderExcluir
  5. Passando pra deixar um beijão!

    Vamos em frente com nossas atividades e descobrindo outras!

    Agora tô caminhando na rua: pode? aha!

    ResponderExcluir
  6. Oiii

    Adorei as dicas..eu sempre que posso fazer as coisas a pé eu faço... assim faço pelo menos uma caminhada leve.
    Agora que choveu quero ver se volto a bike na segunda... e aos localizados....Obrigada pela força ontem... tava pessima

    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Oi, Rô
    eu consigo driblar o sedentarismo, pois moro no 4º andar e só tem escada, então no minimo durante o dia subo e desço 2 vezes, adorei as dicas, beijos.

    ResponderExcluir
  8. Oie..

    Qualquer exercicio é melhor do que nenhum...é verdade isso!

    Bom dia pra vc!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Oi. Muito boas essas dicas. Em pensar que a 5 meses eu era sedentária e morria de preguiça para ir até a esquina e hoje vou a volto sem problemas. BJ

    ResponderExcluir
  10. Suas dicas como sempre valiosíssimas

    Bjinhus

    ResponderExcluir
  11. Oi amiga,

    Amei as dicas e tenho levando muito em conta a questão do sedentarismo, pois não faço academia, já tenho 35 anos e não posso deixar a peteca cair, né!!!
    Mais de vez enquando invento uma coisinhas, pego feijão e fubá e faço exercicios para o braço, dou uma dançada na sala...tento levantar várias vezes do sofá, e assim vou levando!!

    bjos

    ResponderExcluir
  12. Oii Flor!

    Tenha um ótimo restinho de seamana!

    Beijãooo

    ResponderExcluir
  13. Boas dicas sim senhora. Acrescento limpe a sua casa todos os dias, brinque os os seus filhos... tantas coisas que acrescentam exercício ao seu dia

    ResponderExcluir
  14. Fiquei sem atividades por quase uma semana...senti muita falta. Bjs

    ResponderExcluir
  15. Bom dia, Rô!

    Nem me fale de sedentarismo... é engraçado: me sinto muito melhor quando faço minhas caminhadas diárias, fico mais disposta e até mesmo mais feliz, mas mesmo assim continuo tendo preguiça de caminhar? Vai entender, né?
    As dicas são muito boas, e a que eu mais gostei foi: "qualquer exercício é melhor que nenhum exercício". Nós e a nossa mania de ser 8 ou 80: ou faz muito, ou não faz nada. Essa dica nos mostra que as coisas não precisam ser extremas.
    Devagar se vai ao longe.

    Lindo dia pra ti!

    Bjus

    ResponderExcluir
  16. Oie Rô passando pra deixar um bju otima quarta

    ResponderExcluir
  17. Oi Rô...
    ai credo quanta doença o sedentarismo hein vou dar um geito de começar a me mexer hehehe.
    Bjinhos
    *-*

    ResponderExcluir
  18. Oi, amada! Saudadonaaa! hehehe
    Tô na área outra vez! Vamos ver como vai ser agora! Tem que ser diferente!!!
    Onde tu vai correr no findi que vem? Lá no Gasômetro de novo?
    Bjão

    ResponderExcluir
  19. Oi Ró,
    De fato o sedentarismo é um mal do século...
    Eu mesmo estou nas estastísticas... affff... preciso me mexer...
    Tenha um ótimo restinho de semana...
    Beijos
    Kika

    ResponderExcluir
  20. Oie! Mto boas as dicas!
    Eu estou na luta para sair do sedentarismo, e estou fazendo já algumas "trocas" naturalmente. Já é laguma coisa mas ainda preciso me dedicar e pegar firme e forte nas atividades físicas. Bjs e uma ótima semana!

    ResponderExcluir
  21. Oie!
    Uma boa forma de começar a abandonar o sedentarismo... e como tem gente sedentária!
    Eu não uso elevador, opto sempre pela escada...acho uma prática saudável...aliás, não tem coisa q me irrite mais, do que aquelas pessoas que querem ir ao 2º piso, e usam elevador...não se prestam a subir 5 degraus de escada...alooo!
    Bjão,
    Mágnor

    ResponderExcluir
  22. Oi amiga linda...
    como sempre adoro as suas matérias...
    bjinhos flor

    ResponderExcluir
  23. Oi flor
    Belas dicas, nunca é demais reler até mesmo oq já sabemos e deixamos de por em pratica...beijinhosss

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Bolo de Cenoura com farinha de Coco

Uma ótima novidade, o Wagner Andrade estará compartilhando suas deliciosas receitas aqui no blog, todas produzidas por ele, receitas leves que valem a pena experimentar, para estreia temos esse delicioso Bolo de Cenoura.



Bolo de cenoura Proteico com farinha de coco e farelo aveia

Ingredientes:
-3 cenouras média  
- 6 claras
- Essência de baunilha
- Stevia 40 a 50 gotas
- 50ml de água fervente
- Fermento 1 colher de chá
Opções de acompanhamentos que super combinam: whey, leite em pó, pasta de amendoim, banana, morango, canela, coco ralado.
- 3 ovos
- 150g de farinha de coco - 150g de farelo de aveia
- 90g de chocolate 60% a 70% cacau cobertura

1. No liquidificador bata as cenouras picadas, ovos, claras, baunilha e o adoçante por volta de 1 a 2 minutos até as cenouras ficarem bem processadas.

2. Agora acrescente as farinhas de coco e farelo de aveia e misture com uma colher, aos poucos acrescente a água fervente até que a massa fique pastosa e por último o fermento químico. Leve ao forno pré-a…

Sorteio- Kit Auxiliar no Emagrecimento

Sorteio : Belthys e Cápsulas de Oliveira da Tiaraju
Pensando na qualidade dos produtos do Laboratório Tiaraju, e no carinho sempre recebido no blog, quero proporcionar este sorteio para dar um ânimo na RA das queridas(os) seguidoras(es). Mas nunca esqueçam da Atividade físicas !!!
Vamos aos benefícios dos produtos:

Belthys: composto Quistosana, Abacaxi desitratado e Cromo.
A Quitosana auxilia na redução da absorção de gordura e colesterol. seu consumo deve estar associado a uma dieta equilibrada e hábitos de vida saudáveis. A Quitosana é uma fibra natural solúvel, não digerível e não calórica, extraída das carapaças de alguns crustáceos, como a lagosta e o camarão. Sua estrutura molecular permite que alta capacidade de se ligar às gorduras presentes na alimentação e removê-la do corpo. Devido à alta densidade das cargas positivas deste polissacarideo, a quitosana atrai e se liga aos lipídeos (moléculas de gordura de natureza negativa). No estômago, devido a acidez, a quitosana a…

Kássia emagreceu 21kg

Hoje quero compartilhar com vocês a superação e mudança da querida amiga virtual Kássia. Ela deixou o sedentarismos de lado, começou a se exercitar em casa e mudou totalmente seu estilo de vida, tenho muito orgulho de acompanhar todo esforço e essa trajetória linda! Segue abaixo o depoimento dela:

Meu "sobrepeso"  de fato não incomodava tanto a ponto de fazer loucuras ou dietas mirabolantes. Comecei a engordar quando me casei, depois tive meu primeiro filho e aí a coisa ficou séria. Engordei 14kg na gestação, não me lembro de ficar me pesando ou fazendo dietas depois que tive ele.  Pensava, "tô casada, feliz, com um filho e meu marido me ama". Quando meu filho tinha 6 meses me lembro de estar com 67 kg, mas logo me vi engordando e muito, em pouco tempo. O fato é que fui me descuidando. Anos se passaram e eu sempre oscilando entre 79kg e 85kg (conheci vários blogs nessa época, inclusive o da Rô). Fiquei nessa sanfona por uns 6 anos. Até que engravidei da minha pequena …